Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Bibliotecas Escolares de Alcochete

"Juntos aprendemos mais"

Bibliotecas Escolares de Alcochete

"Juntos aprendemos mais"

Leitura Secundário

Os guardiões do Louvre - Jiro Tanigouchi

Taniguchi instalou-se durante um mês no Louvre, em Maio de 2013, para se imbuir do espírito do santuário da arte. Um desenhador japonês de passagem por Paris visita o Museu do Louvre e encontra uns guardiões “misteriosos”, entre os quais a Vitória de Samotracia e artistas como Vincent Van gogh, Corot, Asai Chû descobrindo assim uma outra história do museu, vista a partir de um limbo onírico, entre o sonho e a realidade.

“É uma obra estranha, daquelas que convidam a uma aventura íntima e interior, que revoluciona a nossa relação com os grandes Mestres da arte.”
– Alexis Seny – Branchés culture

Melhor Argumentista e desenhador Angoulême 2003 e 2005.
Prémio Clássicos da Nona Arte Amadora BD 2015.

Leitura Adultos

O pintor de almas - Ildefonso Falcones

 

NO DEALBAR DO SÉCULO XX, BARCELONA COMEÇOU A MUDAR. ENQUANTO O MODERNISMO ADORNAVA AS RUAS MAIS OPULENTAS, NOS BAIRROS POBRES, OS TRABALHADORES LUTAVAM PELOS SEUS DIREITOS E POR UMA SOCIEDADE MAIS JUSTA.

Este romance extraordinário, que recria magistralmente alguns anos apaixonantes, marcados pela tensão social e o anticlericalismo, numa cidade capaz de se rebelar contra o poder da tradição, conta-nos a história de Dalmau Sala, um jovem pintor que ficará preso entre a sua paixão pela arte e o amor de uma mulher bonita e combativa.

O Pintor de Almas oferece-nos, ao mesmo tempo, a poderosa história de um tempo conturbado e uma trama emocionante, na qual Ildefonso Falcones combina com mestria o amor, a paixão pela arte, a luta pelos ideais e a vingança para recriar uma Barcelona, outrora sóbria e cinzenta, que se encaminha para um futuro brilhante, onde a cor e a esperança começam a despontar.

Fiquem com Ildefonso Falcones e deixem-se envolver pela sua escrita recheada de mistério e peixão e que nos faz deambular por uma uma cidade tão encantadora como Barcelona. 

Circuitos Ciência Viva

ciência.png

Nas férias, todos, alunos, pais, professores, temos mais tempo. Tempo para descansar, para abrandar o ritmo, para abrir os olhos de espanto. Para explorar, para perguntar, para querer saber mais - não porque estamos a estudar algo na escola, mas pelo simples prazer de questionar e de aprender.

 
A nível nacional há 18 circuitos Ciência Viva que podem ser explorados com professores, com a família ou com amigos.
 
 
Sugestão: LeYa Educação

Calor, gelados... e história!

Chegou o verão!

gelados.png

Com os dias de verão e calor a chegar, provavelmente não há ninguém que não aprecie um gelado fresquinho. Hoje em dia é fácil encontrar gelados à venda, ou mesmo fazer gelados em casa, mas como seria nos tempos dos nossos avós ou bisavós? Haveria gelados disponíveis para todos, ou só para alguns? Como seriam produzidos quando nem congeladores havia? E como chegaria o gelo, usado para os fazer, aos reis e à corte?

Sugerimos que desafie os seus alunos a pensar nestas questões e a explorar os links abaixo. Certamente ficarão surpreendidos! E comer um gelado passará a trazer sempre consigo um bocadinho de história :).

Como surgiram os gelados?


Como se produzia gelo antes de o frigorífico ser inventado?

Fonte: Ideia inspiradora da LeYa.

E que tal experimentar uma receita com os miúdos ? :) Sorvete de morango.

morango.jpg

Sugestão de Leitura - 2.º ciclo

A Bicicleta tem bigodes de Ondjaki

A bicicleta que tinha bigodes.png

Prémio Bissaya Barreto de Literatura para a Infância 2012

«Sonhei com a bicicleta bem colorida, os da minha rua brincavam com ela, o Camarada Mudo ria muito, a Avó Dezanove dizia para termos cuidado para não sermos atropelados por nenhum carro e para não atropelarmos mais nenhum bicho, a bicicleta do meu sonho era bem grande e zunia muito, amarela nas rodas, o quadro e o volante eram vermelhos e os para-lamas assim pretos, só que à frente, um pouco abaixo da zona do volante, ninguém ainda tinha visto: a bicicleta tinha uns bigodes iguais aos do tio Rui...»

Disponível na Biblioteca Escolar

Sugestão de leitura - Era uma vez uma raiva

raiva.jpg

Era uma Vez uma Raiva, de Blandina Franco; Ilustração: José Carlos Lollo 

Era Uma Vez uma Raiva conta a história de uma raiva que começa pequenina e acaba por tomar proporções dramáticas.
Este livro mostra às crianças como as raivas e as birras são destrutivas e sem sentido e que, no fim, o sofrimento é maior se não controlarmos as emoções negativas.

Um livro que ajuda as crianças a compreender as suas emoções.

Se quiseres, também podes ouvir esta história contada por duas crianças. Fica aqui o vídeo:

In: Blogue Letra Pequena, jornal Público

Proposta leitura - Secundário

As lendas nórdicas sempre tiveram uma forte influência no universo de Neil Gaiman. Em Mitologia Nórdica, o multipremiado autor regressou às suas fontes para criar quinze contos relacionados com a grande saga dos deuses escandinavos, que inspiraram a sua obra-prima Deuses Americanos. Da génese do mundo ao crepúsculo dos deuses e à era dos homens, eles readquirem vida: Odin, o mais poderoso dos deuses, sábio, corajoso e astuto; Thor, seu filho, incrivelmente forte mas turbulento; Loki, filho de um gigante e irmão de Odin, ardiloso e manipulador... Orgulhosas, impulsivas e arrebatadoras, estas divindades míticas transmitem-nos a sua apaixonante - e muito humana - história.

Sugestão de leitura: "Tirem-me daqui..."

banana.jpg

"O Greg está metido num grande sarilho. A escola foi vandalizada e ele é o principal suspeito. Mas o que é incrível é que ele está inocente. Ou pelo menos em parte.
As autoridades estão a apertar o cerco.
Entretanto, uma tempestade de neve chega de surpresa e a família fica impossibilitada de sair de casa.O Greg sabe que, quando a neve derreter, terá de sofrer as consequências, mas haverá algum castigo pior do que ficar fechado em casa com a família durante as férias?"

Ficar fechado em casa com a família não é nada mau... pior é ficar em casa, fechado durante meses por causa de um vírus. Mas terás de ser tu a decidir...
 
Boas leituras!
 

Noesis - Notícias da Educação

Apoio às escola - maio 2020

Nota de Abertura


Educação em tempos de pandemia

Num momento em que as escolas portuguesas se encontram ainda com muitas atividades presenciais suspensas, devido à pandemia provocada pelo coronavírus (Covid-19), e atendendo às medidas de contenção tomadas em todo o país, a Direção-Geral da Educação (DGE), nestes tempos de exceção, tem vindo a preparar um conjunto de estruturas e de iniciativas de apoio ao desenvolvimento do Ensino a Distância (E@D). Esta modalidade de ensino lançou um novo desafio a todos os docentes, crianças e jovens e famílias.
 
Veja no link abaixo todos os recursos disponíveis.

https://www.dge.mec.pt

Pág. 1/2